Bem-vindo!

Prezado Colaborador, Seguidor ou Visitante, seja bem-vindo!
Este é mais um canal para prosseguirmos com nossa luta por melhores condições no transporte ferroviário do Rio de Janeiro. Sinta-se à vontade para realizar comentários nos posts do blog e nos enviar sugestões.
Contamos com a sua contribuição.

Saudações, Equipe do TrensUrbanosRJ.
E-mail: trensurbanosrj@gmail.com

sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

ESTAÇÃO DE TREM “SÃO BENTO” EM DUQUE DE CAXIAS

A concessionária responsável pela nossa ferrovia no Rio de Janeiro, divulgou a construção de uma nova estação de trens, a estação “Corte 8” em Duque de Caxias.  Pessoalmente não vi muitos benefícios na construção desta estação, mas tenho certeza que a escolha não foi aleatória e a concessionária estudou muito bem este projeto. Conheço uma comunidade que também seria muito beneficiada se houvesse a construção de uma nova estação férrea, a comunidade de São Bento.

Localizada entre as estações de Gramacho e Campos Elíseos, a comunidade de São Bento, que fica localizada à beira da linha férrea, não tem um meio de transporte sequer. As pessoas não podem se deslocar de suas casas para outros bairros ou cidades. Vivem em um lugar desprovido de serviços públicos, onde prefeitos asfaltaram algumas ruas para ganharem eleições.

Lembro-me quando criança, que neste local havia uma parada obrigatória para todos os maquinistas, bem, mas essa história pode ser contada pelo site "Estações Ferroviárias" que abrange a história de um projeto que seria útil tanto para os cargueiros quanto para os passageiros. Mostra também que o projeto foi abandonado pela sua “INUTILIDADE”, pois o Brasil NÃO dá incentivos para o transporte de cargas pelas ferrovias, que fariam com que diminuíssem os caminhões nas rodovias e os acidentes provocados pelos mesmos.

Engenheiros do passado diziam que o "solo com baixa resistência que constantemente causava queda de aterros" não era propício para a construção de uma estação. Mas hoje a engenharia se evoluiu e a construção de uma estação que viesse beneficiar essa comunidade carente não seria um problema e sim uma solução.

Sei que alguns iriam dizer que as pessoas que moram nesta comunidade invadiram a fazenda que existia no local, mas se deixaram que as pessoas construíssem suas casas, como irão retirá-las dali? E se não irão retirá-las que pelo ao menos olhem por elas.

Por: Profª. Adm. Meri Paixão
http://meripaixao.blogspot.com
#estacaoSaoBento
Comentários
2 Comentários

2 comentários:

  1. 1º Desculpe-me, professora, mas "sequer" é grafado junto.
    2º A Supervia quer passageiro que pague. Veja o exemplo de Tancredo Neves e Padre Miguel (Vila Vintém) no ramal Santa Cruz: todo mundo entra pulando o muro... Dá até medo das figuras não-pagantes.

    ResponderExcluir